• 19 de November de 2017
  • LANGUAGE:
    • English
    • Español
    • France
    • Chinese
ONDE IR? COMO IR? O QUE FAZER? COMECE A VIAJAR AQUI...

O QUE É NOTÍCIA

Vai viajar? Cuidado, crescem os golpes em hotéis!

Vai viajar? Cuidado, crescem os golpes em hotéis!

Por: Paulo Panayotis | São Paulo - Brasil Categoria: Colunista

Imagine a cena: depois de “bater perna” o dia inteiro, você chega no hotel. Toma aquele banho, deita na cama e relembra, vendo as fotos, momentos esplêndidos. É seu último dia naquele cinco estrelas que vai ficar na história.Toca o telefone. O sujeito do lado de lá diz que é da recepção e  pede desculpas por incomodar. Se identifica como gerente, e explica que houve uma pane no sistema de computadores do hotel.

“Não se preocupe, senhor.
Sabemos que amanhã cedo  é seu check out e o sistema somente voltará a funcionar após o meio dia”, informa. “Para sanar o inconveniente, o senhor pode ter um late check out, sem custo adicional. Ainda como cortesia,  o senhor vai ganhar uma garrafa de um vinho exclusivo”, afirma o gerente. Feliz da vida, você começa a fazer planos... acordar mais tarde, curtir um pouco mais os serviços , etc. “Apenas um detalhe senhor, diz o “funcionário” do hotel: “como perdemos todos os dados, para agilizar sua saída amanhã, gostaríamos que o senhor confirmasse o número de seu cartão de crédito. Seduzido e cansado, você entrega e se entrega.



Na manhã seguinte o choque.
Debitaram montes de produtos e serviços em seu cartão. Seu check out tardio foi para o “beleléu”. E o tal do vinho exclusivo, só mesmo pagando.  Trata-se de um golpe que vem crescendo em hotéis em todo o mundo. Não, não é só no Brasil.
Acontece nos EUA. Grandes redes de hotéis não divulgam, mas são vítimas frequentes. Ninguém sabe como conseguem ligar para o quarto sem passar pela recepção. Mas conseguem.  A solução para este tipo de problema? Simples: jamais informe nada por telefone. Seja aqui, nos EUA ou em qualquer lugar do mundo. Fica a dica: não é porque o sujeito fala outra língua que é correto. Bandido tem em todo lugar. Como diria o bom e velho Jorge Benjor: “Prudência e dinheiro no bolso. Canja de galinha não faz mal a ninguém.” Mais dicas? www.oquevipelomundo.com.br . Desejo boa (e segura) viagem!

GALERIA DE IMAGENS

CLIQUE PARA AMPLIAR AS IMAGENS